O Brasil oferecerá vistos de trabalho de entre dois e três anos para médicos da Espanha, Portugal e Cuba que queiram exercer a profissão em cidades do país com atendimento de saúde deficiente.

Fonte R7

Leia o artigo completo no site R7