Pela ótica da maioria da clientela que paga as mensalidades dos planos de saúde e convênios médico, os profissionais de medicina do nosso país são muito bem remunerados. Todavia, isto não é verdade absoluta, uma vez que em média nacional o valor bruto da consulta médica nesta modalidade está em R$ 58,60. Deduzindo os custos operacionais, investimentos e os impostos, sobram apenas o valor líquido R$ 15,34 por cada consulta médica. Vejamos esse desdobramento financeiro:

Valor bruto da consulta = R$ 58,60.

Taxas administrativas ou rateios de despesas = R$ 17,58.

Impostos e encargos = R$ 7,47.

Custo de equipamentos e material médico = R$ 3.75.

Soma = R$ 28,80

Resultado 01 = R$ 29,80.

Note que sobre este valor não foram deduzidos os custos de formação profissional, investimentos financeiros do consultório médico, depreciação de bens e equipamentos, despesas pessoais, combustível, estacionamento, cursos etc.

Numa análise redundante e pouco precisa, podemos supor o somatório destes custos em 25% do valor bruto da consulta médica. Neste caso seriam deduzidos R$ 14,46. Restando, portanto, apenas R$ 15,34 para o médico.

Para obter um rendimento mensal de R$ 8.000,00 o médico do exemplo acima precisará atender R$ 521,5 pacientes neste período.

Pelo visto esta é a razão do médico brasileiro ter em média 05 empregos para poder auferir um redimento mensal superior a R$ 8.000,00.