guia do credenciamento médicoCOMPRAR

Para realizar o credenciamento médico faz-se necessário atender os critérios das OPS (Operadoras de Planos de Saúde) conforme as normas da ANS (Agência Nacional de Saúde). Esses critérios são comuns para todas as empresas médicas e basicamente se dividem em três grupos de informações empresariais. Sendo:

  • Ficha cadastral com os dados empresariais;
  • Carta de solicitação de credenciamento;
  • Descritivos de equipamentos, estruturas operacionais, especialidades, corpo clínico, dados pessoais dos médicos.

Normalmente as OPS solicitam que anexo a carta de solicitação de credenciamento, também sejam enviados os dados cadastrais da empresa e os dados do diretor técnico (responsável técnico). Em alguns casos também se solicitam os dados pessoais e profissionais dos médicos que atendem conforme as suas especialidades. Há casos em que se solicitam também a relação de equipamentos, cópias das suas notas fiscais, capacidade de atendimento etc.

Uma empresa médica pode optar por enviar somente os três itens básicos do credenciamento médico. Porém, para aumentar as suas possibilidades de ser avaliada e consequentemente ser credenciada, recomenda-se que substitua a ficha cadastral e o descritivo por um pequeno projeto de apresentação da clínica médica ou consultório. Este projeto na verdade é um descritivo mais abrangente da estrutura da clínica médica.

Com este modelo de projeto de credenciamento médico as chances de sucesso aumentam mais de 70% neste processo.

A seguir vamos descrever esses dois modelos de solicitação de credenciamento. Se a sua empresa é um consultório simples, a sua solicitação de credenciamento pode ser feita pelo modelo básico. Contudo, se seu negócio é uma clínica com diversas especialidades médicas e equipamentos, recomenda-se que opte pelo modelo do projeto apresentação.